Projeto: Inspire alguém em transição

Em 28.03.2016   Arquivado em Cabelo

Projeto Inspire alguém em transição

Quem já passou ou passa pela transição capilar sabe que não é nada fácil. Lidar com as duas texturas, autoestima abaixo do pés e ainda por cima comentários de gente que nem sabe o que estamos passando, torna a transição capilar um momento bastante tenso e frustrante, alguns chegam a desistir.

Pensando nisso, criei esse projeto que intitulei como “Inspire alguém em transição”, o nome é simples e bem explicativo. Eu já até falei dele no sábado lá na página.

O objetivo é inspirar as negas e os negos que estão passando por isso, postando fotos do antes e depois (ou durante a transição capilar), para mostrar que podemos sim ter nosso cabelo natural de volta, ser livres e lindos, sem precisar da chapinha ou de algum produto químico.

transição capilar

E para isso dá certo eu preciso de vocês! E é simples. Espia só:

Mande duas fotos sua do antes e depois (ou antes e durante) da transição capilar, para o inbox da página Penultimo Andar ou email penultimoandar@gmail.com. Não precisa editar as fotos nem fazer colagem. Dê preferia as fotos nítidas, que dê para ver o cabelo certinho, ok?
Fale resumidamente a história do seu cabelo e quanto tempo ficou em transição (ou quanto tempo está). E como está se sentindo realmente depois de assumir seu crespo/cacheado.
E só! Pretendo postar duas fotos por dia, conforme o pessoal for mandando.
Os meninos também podem/devem participar.

 

Se o projeto dê certo, todo final de semana, no sábado ou domingo, eu farei uma postagem com as fotos postadas na página durante a semana. 😉

 

 

 

 

O que achou da ideia do projeto? Alguma dúvida? Crítica? Pergunta? Comente aí, adoraria ler. 🙂

Vamos lá, espero vocês!

Um grande beijo!

Como começar a transição capilar?

Em 21.02.2016   Arquivado em Cabelo

Esses dias, uma moça em um grupo de cacheadas no Facebook, fez a seguinte pergunta: “Estou pensando em voltar aos cachos, mas não sei o que fazer. Como começo a transição capilar?” no primeiro instante fiquei me perguntando como ela poderia ter aquela dúvida, oxê é só deixar crescer e não usar mais química. Mas refletindo melhor percebi que NÃO É  SÓ DEIXAR CRESCER, tem váriias coisas envolvidas, a auto-estima, o emocional e vários outros fatos. Durante a minha transição capilar por exemplo, foi muito difícil, pois lidar com as duas texturas e a auto-estima lá no fundo do poço não foi nada fácil, já cheguei a chorar por quase não conseguir arrumar o cabelo a tempo para o colégio, nada ficava bom, o único jeito era rabo de cavalo, coque ou chapinha. 🙁 Depois de muito refletir, eu concluir que falar sobre isso ajudaria muitas moças e moços que estão pensando em passar pela transição capilar, e de quebra daria uma bela postagem, rs. 😀 Então separei tópicos com coisas que você precisa saber e fazer durante sua transição:

Fonte da imgem: Karol Gomes

Fonte da imgem: Karol Gomes

 

Saiba o que você quer
Antes de começar a transição você precisa ter em mente que muitas pessoas irão te criticar. Elas não irão te entender no inicio, mas saiba que a culpa não são delas e sim da sociedade que adora padronizar as coisas, a população está acostumada com meninas de cabelo liso, sem volume, todo certinho, por isso, o fato de ver várias meninas se empoderando e desfilando por aí com seus lindos blacks incomoda muito. Mas isso não quer dizer que você é feia ou que seu cabelo é feio, a sociedade é que tá toda errada. Por isso você tem que trabalhar a sua auto-estima e se empoderar, tenha em mente que seu cabelo será bem diferente do atual e algumas pessoas agirão de forma negativa. Se olhe no espelho, diga e repita que é isso que você quer, seu cabelo natural de volta. Não ligue para os comentários alheios, só se os mesmos forem solicitados, rs. Converse com uma amiga sobre o assunto e diga que é isso que você quer.

 

Busque inspirações
Procure por pessoas na internet que já passaram pela transição, graças a Deus muitas meninas dão um show de empoderamento nessa vila chamada internet (aliás indico muito o canal da Maraisa e da Luciellen), no youtube você encontra vários canais sobre isso. Entre no Pinterest e procure por “afro hair” lá você achará um mundo de inspirações. 😉

 

Saiba que não é só você que está passando por isso
Leia os relatos das meninas. O Intimas da Ray do blog da Rayza Nicácio é ótimo para isso, lá tem muitas histórias inspiradoras e lindas das leitoras dela que passaram por essa fase. Saber que não é só você que está passando por isso é muito importante e te dá forças para continuar. Participe de grupos no Facebook e Whatsapp as meninas vivem criando um, isso ajuda bastante também e de quebra você faz várias amizades.

 

Conheça o seu cabelo
Muitas meninas que resolvem começar a transição, alisam o cabelo desde criança e por isso esquecem de como o seu cabelo é de fato. Você sabia que cada cacho tem um formato e tipos diferente? E por isso, cada cacho precisa de uma atenção e cuidados diferentes? Busque sobre os tipos, sobre os cuidados que cada um deve ter. Se informe, entenda, conheça e ame seu cabelo. Como eu amo fazer indicações, para essa etapa eu indico muito os blogs Cacheia! e Meu Crespo. Conhecer o tipo de seu cabelo é bom pois você pode acompanhar pessoas do mesmo tipo que o seu e, a chance dos tratamentos que elas usarem em seus cabelos dá certo no seu, é bem grande. 😀

Tenha paciência
Essa será a palavra principal da sua transição, paciência. Sei que lidar com as texturas diferentes e esperar o cabelo crescer é bastante complicado, por isso você deve ter muita paciência e deixar ele crescer em seu tempo. Vai cortando as pontas aos pouquinhos para você ir se acostumando. Faça muitas hidratações, umectações e massagens, para estimular o crescimento e cuidar do seu crespo.

 

Tenha coragem
Coragem para fazer o big chop e enfrentar as pessoas preconceituosas que aparecerão em sua vida Tampe os ouvidos para aqueles que não te querem bem e só falam mal do que você quer. Tenha coragem para ser você mesma(o). Se você tiver em sua cabeça que é isso que quer, nada irá te atrapalhar ou tentará fazer você desistir.

 

Não busque atalhos
Não existem produtos que fará seu cachos voltarem sem precisar cortar. Não acredite em propagandas dizendo que o produto “z” da marca “y” é a solução para quem quer voltar aos cachos, esses produtos não existem. A única forma de ter seus cachos naturais de volta é esperando crescer e depois cortar a parte com quimica. 😉

 

Uma transição sem neuras
Se você não quer passar por todo aquele sofrimento na frente do espelho por causa da diferença de textura, abuse dos penteados e tranças. Já vi muitas meninas dizendo que durante a transição elas usaram apliques e/ou tranças sintéticas e isso as ajudaram a passar por essa fase sem sofrerem muito. Mas antes de fazer a louca e já ir na cabeleireira pedindo pra colocar os apliques, pesquise antes, sempre pesquise para depois não fazer errado, ok?

Se conheça
Essa etapa é um pouco parecida com a primeira e é a mais importante de todas. Durante esse momento, se conheça, reflita sobre o porquê de querer voltar ao cabelo natural. Afinal de contas, tudo isso é muito novo para você, é uma boa oportunidade para se conhecer e saber seus limites. Faça essa mudança não ser apenas externa, mas interna também. Esse é o momento de você se re-descobrir. Aproveite! 😉 Mas lembre-se que independente de tudo, você deve se amar do jeito que você é e se sente bem. O mais valido de tudo isso é você se curtir e se respeitar, se olhar no espelho e sorrir para o reflexo. Sem neuras!

 

 

 

Espero que esse post tenha ajudado você a ter coragem de começar a transição. Força nessa nova transição e muito amor aos cachos/crespo. Ah, se você está lendo esse post e já passou pela transição capilar, comente dizendo o que mais te ajudou a passar por essa fase.

Um gigantesco beijo!

Facebook | Twitter | Instagram

Coisas que não te contaram sobre o BC (Big Chop)

Em 24.11.2015   Arquivado em Cabelo

Como vocês já sabem, eu passei pela transição capilar e fiz o big chop (grande corte) vai fazer 2 anos mês que vem. 😀 Se você não tiver sabendo do que estou falando confira esse post aqui. Quando eu cortei o cabelo, passei por algumas situações que não estava preparada, pois só lia e ouvia coisas boas sobre o tal big chop, o quanto era maravilhoso e libertador (o que de fato é verdade), mas eu só sabia dos prós e não dos contras.

Por isso cá estou eu, depois de 1 ano e 11 meses de big chop, vim te contar 7 contras sobre o grande corte que talvez você que está em transição, não saiba:

1- Depois do BC pode demorar 1 mês ou mais para os cachos modelarem sozinhos.
Isso acontece porque o cabelo está acostumado com o excesso de alisamento e por isso pode demora um pouco para ele “acostumar” com os cachos.

2- Não acredite em fotos de cacheadas na internet.
Muitas meninas, não todas, mas a maioria das moças que tiram fotos do cabelo, fazem um monte de coisas para os cachos ficarem modelados, texturizações, dedoliss, por isso não se enganem.

3- Não se iluda, seus cachos não ficarão iguais ao da moça do instagram, pinterest ou de sei lá onde.
Cada cacho/crespo tem a sua forma. Apesar de separarem por tipos 3A, 3B, 3C, 4A, 4B e 4C o cabelo é diferente um do outro, a forma, a textura, tudo é diferente. Por isso você tem que conhecer seus fios. Alguns produtos que são bons para o meu crespo, pode não ser para o seu e vice-versa.

4- Terá dias que você se arrependerá de ter cortado.
Sim esses dias existirão. Nem tudo são flores, não é mesmo? Terá dias que você chorará, se perguntará porque diabos fez isso. Mas calma, respira, não banque a neurótica, esse pensamento é passageiro, lembre-se que você não precisará mais ficar horas e horas no salão, pra depois sair de lá com a orelha e cabeça queimada, rsrs. Lembre-se da liberdade de poder molhar o cabelo quando quiser, sem se preocupar se a chapinha vai sair e o cabelo encolher. Que coisa boa poder banhar na chuva, concorda?

5- Em cada parte do cabelo os cachos serão de texturas e formas diferente.
Como eu disse lá em cima, cada cabelo são de formas diferente, até seus próprios cachos tem formatos diferentes. Por exemplo o meu, atrás cacheia mais do que na frente, às vezes é preciso fazer dedoliss se eu quiser mais definido.

6- Cabelo cacheado/crespo dá trabalho sim.
Apesar de algumas meninas negarem, cabelo crespo dá trabalho sim para cuidar. Acontece que conforme você vai cuidando de seus fios, você entende que esses procedimentos só fazem bem a eles e isso passa a não incomodar mais. Quando eu cuido do meu cabelo, é como se fosse uma terapia, é uma coisa que eu adoro fazer, pois sei que os benefícios são enormes.

7- As pessoas vão falar que você está feia.
As pessoas sempre falam não é verdade? Namoral, elas adoram falar dos outros, não importa o assunto. Elas dirão que você é louca, que fez besteira, que você está feia, que preferia seu cabelo antes. Mas também existirá aquelas que te elogiarão e são esses comentários que você deve filtrar. Eu sei que às vezes é dificil não se importar com a opinião alheia, mas faça o possível. Se você tiver em mente que isso será bom pra você, se isso for o que você realmente quer, comentário nenhum fará diferença. Por isso, se você pensa em passar pela transição capilar e pelo big chop, faça isso por você, tenha certeza absoluta de que isso é o que você realmente quer. Não faça porque fulaninha fez também, certo?

 

 

 

 

Espero que eu tenha te ajudado e esclarecido algumas coisinhas que as meninas não costumam falar. Mas se ficou com alguma dúvida não precisa ter vergonha é só perguntar. Aaah e lembre-se bem, independente de você assumir o crespo ou não, SE AME! O legal é você se olhar no espelho quando acordar e pensar “poxa eu sou muito linda!” independente de como você seja, certo? O que acharam do post de hoje? Você está em transição ou fez o Bc? Conta pra gente! 😀

Beijos!

Página 1 de 212